Lost Stars

By segunda-feira, fevereiro 02, 2015


Aposto que toda a gente tem aquele ator que “nunca lhe falha”. Aquele que gostamos sempre de ver num filme e que, mesmo quando os filmes não prometem, nos faz vê-los. Chegamos quase a identificar-nos como se o conhecêssemos. E eu também tenho um desses, ou melhor, uma. 


É a Keira Knightley. Demasiado óbvio? Começou algures com o “Orgulho e Preconceito”, passou pelo "Expiação", consumou-se na "Duquesa" e no "Anna Karenina", mas foi num dos últimos que vi, o "Num outro tom”, que descobri o seu lado de cantora e onde senti que a minha escolha fazia ainda mais sentido. Passo a explicar já que não só esta é uma atriz incrivelmente bonita e talentosa, como procura reinventar-se, arriscar e superar-se; que é algo que falta a tanta gente quando já se está lá bem no topo - bem no comodismo do estatuto alcançado: A capacidade de não bastar o que já se tem e de não nos deixarmos contentar. Não quer dizer que seja cantora, porque não é. É atriz, clara e assumidamente. Mas os desafios existem, e arriscar, sair da zona de conforto é uma coisa boa. E não é só quando se quer melhorar, é principalmente quando já se está bem.


P.S: Nos cinemas, podem ver esta atriz em mais um filme muito bom: The Imitation Game. Recomendo, pois claro!

You Might Also Like

3 comentários

  1. Também é uma das minhas actrizes favoritas. Acho que ainda não vi nada dela que não gostasse. A interpretação dela em Anna Karenina e no "A Dangerous Method" foram as minhas favoritas. Confesso que esta última nomeação me surpreendeu um bocado, esperava mais. Fiquei curiosa com este filme =)

    **

    ResponderEliminar
  2. E é linda de morrer <3 Quero tanto ver esse filme!

    Blog | Facebook | Instagram

    ResponderEliminar

Welcome to our website !