A cidade que se tornou quase minha...

By terça-feira, abril 22, 2014 , , , , , , , , ,

Começo a sentir-me como peixe na água em Paris. Mas parece que quanto mais mergulho, mais me apetece ficar debaixo da água brilhante e bem arranjada que é esta cidade mágica. O meu fim-de-semana (passado a correr e a trabalhar pelo meio) foi qualquer coisa como isto:

Panquecas de iogurte com mel, doce da Bonne Maman (que também há à venda em Portugal) e crumble de maçã e mirtilos com creme fraîche a acompanhar...
Uma bela queimadura no pé, já que o meu namorado raramente ouve o que eu digo e a resposta a: "cuidado que isso está quente" foi pegar na cafeteira e entornar água a escaldar cozinha fora!
Mas mima-me tanto que minutos depois já estava derretida outra vez com flores, chá e post its apaixonados.
O meu look de fim-de-semana (que em Paris, não sei bem como, está melhor tempo do que cá!). Calças Zara nova coleção, sapatos vintage ("roubados" a uma tia), camisola Zara TRF do ano passado, camisa branca Zara da nova coleção.
Os sumos detox também estão na moda em terras francesas mas são servidos por um português num centro comercial ao lado da Place de Italie (metro). Essa é outra! Como achamos que ninguém nos percebe fartamo-nos sempre de falar a alto e bom som tudo o que nos apetece. Claro que há sempre uma resposta em português onde quer que seja. E depois mentalmente apercebemo-me que falámos demais...
Oh happy day! Apesar de não ser os EUA, gospel é sempre gospel e fomos ouvir este coro na Eglise Lutherienne de La Trinité. E, se sempre pensei que ia gostar, nunca imaginei que gostasse tanto. Foi maravilhoso! Se passarem um domingo em Paris, não deixem de assistir a um concerto destes. Aqui, não há espaço para tristezas.
Um passeio no Square des Batignoles, um pequeno jardim cheio de patos, flores e lagos.
Lenço Springfield da nova colecção, blazer coleção antiga H&M (acho eu), óculos Parfois.
Sabe tão bem respirar a puro ao domingo..Fartei-me de rir com as piruetas dos senhores patos!
O meu amor quase francês...e uma ida ao restaurante Le Clan des Jules que têm um daqueles brunches adequados para gente muito magra! Ah, pormenor: neste restaurante, a casa de banho tem vídeos de gangsters, vale a pena dar lá um salto.
E, como o tempo já pede, seguiu-se a compra de uns vasos de flores para pôr no parapeito. 
Termino (para já) com uma ida à Ladurée buscar encomendas...

You Might Also Like

4 comentários

  1. Percebo o que dizes porque sinto isso em relação a londres (alias td a gente sabe q qd me repiro á "minha terra" falo de Londres)...talvez o unico local do mundo onde me sinto em casa e onde me sinto 100%feliz :) Tb gostei de paris embora tb me tenham acontecido peripecias das vezes que la fomos :D Adorei as fotos...menos a da queimadura,.:D

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ainda bem que percebes :) Também gostei de Londres mas lá está para mim Paris é Paris... ahah, foi uma coisa sem importância, já passou!

      Beijinhos,
      Mia

      Eliminar
  2. que fotos tao giras, adorei :)
    (Estavas tao gira, gosto mto do teu blazer preto e azul!)
    espero q estejas melhor da queimadura**

    http://rrriotdontdiet.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada! :) Eu também gosto dele, é muito versátil e confortável. Quanto à queimadura (não digo pronta para outra porque enfim..) mas já estou óptima! Beijinhos **

      Eliminar

Welcome to our website !