A história dos assaltantes seletivos

By quinta-feira, março 27, 2014 , ,

Reza a lenda que assaltante que é assaltante rouba tudo o que apanha no caminho, mas "o" ou "a" assaltante do meu carro de ontem foi selectivo e só levou certas e determinadas coisas. Depois de uma passagem pela festa de lançamento do novo Tresemmé e de deixar o meu cabelo (agora curto) nas mãos dos stylists da marca lá trazia eu um saquinho com informação sobre o lançamento e o novo shampoo que deixei no chão do carro ao lado de outras coisas (típicas de um carro de mulher). 
Fui jantar com uma amiga, calmamente, e quando voltei lá tinha o assaltante retirado o dito saco, um blush, um batom do cieiro, um colar com um coração, um perfume e uns óculos de sol, deixando no entanto ficar uma camisa nova da Zara num saco (com etiqueta e tudo!), pulseiras, maquilhagem, as minhas luvas em pele polka dots, algumas moedas e até uns headphones. O meu primeiro pensamento foi: "Era uma mulher!" Mas se fosse mulher como lhe escaparia uma camisa nova da Zara?

You Might Also Like

5 comentários

  1. Assaltantes bem seletivos, esses! rs

    Uma amiga, me indicou várias e várias vezes seu blog, e só agora tive a oportunidade de conhece-lo, e adorei!

    http://dictomia.blogspot.com.br/

    ResponderEliminar
  2. Ohhh querida a sério??? Que chatice... :(
    Beijinho grande no <3

    ResponderEliminar
  3. A sério que isso te aconteceu, Marta? Parece mesmo surreal :/

    Xoxo*

    Ana Pinto
    http://style2beautyblog.blogspot.pt/

    ResponderEliminar

Welcome to our website !