Vale tudo, menos não comer batatas!

By domingo, abril 14, 2013 , , , , , , , , , ,


Depois da aventura com o meu carro que continua "condenado", lá fui à apresentação das novas LaysMal cheguei ao Clube Ferroviário de Santa Apolónia, a Diana Chaves trepava uma parede de um "plano inclinado" em forma de batata-frita. A apresentação foi uma espécie de Vale tudo em mini formato, sem o anúncio para quem quer ganhar 15000 euros que o Manzarra repete a cada cinco minutos do seu programa de Domingo. 



No photocall o apresentador e o seu sósia boneco pousavam para as fotos. As promotoras iam-nos trazendo as novas Lays Xtra onduladas às quais foi difícil resistir (ver último parágrafo). Valha-nos a dança da batata para perder, ou pelo menos não pensar, as calorias das mesmas que o Paulo Vintém nos ensinou. Ao som de Rihanna dançámos os passos arredondados deste estilo peculiar de dança. Aproveitei também para entrevistar a Raquel Strada - entrevista a ser brevemente publicada. 

Quanto ao Clube Ferroviário, é um espaço a visitar novamente, com tempo e boa companhia. Alternativo q.b, trendy ao máximo. Foi um fim de dia relaxante, assuntos de volante à parte, e sobretudo divertido. Já a caminho de casa, comi um pacote (pequeno - não é que seja menos mau por isso) de batatas: "Só por causa das cenas”.
Acompanhem a Pegada Feminina também no Facebook (facebook.com/pegadafeminina.pt) e no Instagram (@Pegada_Feminina).

You Might Also Like

2 comentários

Welcome to our website !