Actualizações

By quinta-feira, fevereiro 28, 2013 , , ,


Quando era pequenina escrevia sempre num diário. Aliás escrevia em vários que, com a quantidade de detalhes que para lá metia, tinha um novo de dois em dois meses. Se um dia me tornasse alguém importante, os historiadores tinham o trabalho facilitado. Escrevia lá tudo, os medos, os desejos consumistas, os falhanços, as paixões. E, quando dei por mim, apercebi-me que este sítio, este blog, é uma réplica desses bocadinhos de mim, guardados nas muitas caixinhas de recordações que tenho. Com a excepção de que aqui é tudo à base de fotografias. Lá colava os bilhetes, registava as sms e até bocadinhos de cabelo quando o cortava. Tenho que vos trazer algumas dessas minhas histórias aqui, para se rirem um bocadinho da minha imaginação.

Tudo isto para vos dizer que aqui estou eu, a abrir mais uma página do livro, de cabeça levantada e de volta. Não nego que apanhei um valente susto com a minha mãe (apanhámos todos) mas, como li algures, no dia seguinte há sempre coisas para fazer. Os e-mails acumulam-se na caixa de entrada, há amigos que precisam de atenção, a família tem as suas coisas, o trabalho, as coisas que dependem de nós. O tempo não pára com as nossas coisas. E isto tem tanto de bom como de mau. Por um lado, não podemos "ressacar", mas por outro recuperamos à força. Por isso, e como fiquei muito sensibilizada com as vossas mensagens aqui, no facebook e por e-mail venho por-vos a par deste momento menos bom. A mãe está melhor, já foi vista por um neurologista e está a fazer exames para percebermos o que se passou. Está bem disposta e positiva, o que é meio caminho andado para ficar boa num instante. O meu pai trata-a como uma princesa e nós também fazemos o que podemos. Já eu, ando mais sensível e piegas, a precisar de mimos. E os vossos souberam tão, mas tão bem! Obrigada, sei que não basta mas é tudo o que posso oferecer. Obrigada pelo vosso carinho e por esta amizade que vamos cultivando na distância do digital.

You Might Also Like

2 comentários

  1. Tenho seguido o que tu escreves com atenção sobretudo por causa dessa situação com a tua mãe. Fico feliz que tudo se esteja a compor. Um grande beijinho de melhoras para ela e miminhos para ti ;) xxx

    ResponderEliminar
  2. Tive diário até aos 18 anos e, para dizer a verdade, tenho uma certa saudade de poder guardar as minhas pequenas histórias. :)

    Quanto à tua mãe, fico mesmo contente por ler que está melhor. Sei bem o quão doloroso é ter alguém da família menos bem... espero que tudo corra pelo melhor.

    ResponderEliminar

Welcome to our website !