Um resumo atrasado

By domingo, janeiro 13, 2013 , , , , ,

Sei que já venho algo tarde; que estas coisas das redes sociais e do social media pedem urgência e actualidade, mas como este é o meu blogue, sou eu que decido o que me apetece ou não escrever. E, não esquecendo que a Pegada Feminina é composta pelas marcas que me deixam, pelas páginas que vou escrevendo e pelos momentos que me vão impactando, fica a partilha da minha atípica passagem de ano.
Se estivemos até à última sem planos, e quando digo até ao última digo mesmo até ao dia, quando decidimos o que fazer não pensámos que até ao Convento do Beato levaríamos uma hora e tal. Não pensámos igualmente que o Terreiro do Paço estaria cortado nem que, como nos bons costumes, demoraríamos 2 horas a arranjar-nos porque há sempre mais qualquer coisa e na passagem de ano nada pode escapar.
Assim, para não nos stressarmos com o estacionamento resolvemos procurar um táxi. Claro que também não imaginámos que na passagem de ano toda a gente teria a mesma ideia, e que no sítio onde costumam estar os senhores das boleias nocturnas estaria apenas uma estrada vazia. Resolvemos “perseguir” um, e resultou porque quando os passageiros saíram enquanto uma parou o táxi, a outra estacionou o carro. Habituada às lides do volante, corri até ao veículo que nos esperava na esquina com uns saltos bem altos mas a fazer um esforço para me manter na minha altivez sempre contrariada pelos buracos gigantes com que a nossa calçada nos brinda. Boleia: check!
Na nossa cabeça conseguíamos imaginar o brinde à meia noite, as passas, a entrada e o abraço no novo ano. Mas os minutos foram passando, e a fila para o Cais do Sodré ditou que apenas a nossa imaginação o tenha vivido. Quanto a nós, a meia-noite chegou em pleno táxi. Mas sabem que mais? Teve piada na mesma, e se calhar ainda mais. Abraçámo-nos e comemorámos com aqueles que passaram por nós na rua, que olhavam como quem diz “olhem estas tontas a passarem a meia-noite num táxi”. Por volta da uma, chegámos à festa no Convento do Beato com a Fox Life e Gazela Sparkling e percebemos que o nosso ano tinha começado da melhor forma e que, desde que juntas, seja onde for, será sempre bom. Um bom ano para todos!

You Might Also Like

4 comentários

  1. Eu sei... eu já senti isso!!! Estar rodeado de pessoas e ao mesmo tempo sentir-me só... compreendo-te!!!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Ricardo :) Neste caso não foi bem isso, mas claro q tb já me aconteceu... Obrigada!

      Mia

      Eliminar
  2. Parece que foi bem giro :D O importante é estarmos com as pessoas que gostamos nas épocas festivas :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sem dúvida :) É mesmo isso! Foi super divertido :) Espero que tb tenhas tido uma boa passagem de ano *

      Eliminar

Welcome to our website !