“A criatividade não serve só para a solução mas para seres criativo a encontrares coisas que precisam de solução”

By domingo, abril 01, 2012

Estive à conversa com as designers do projecto MEXETRADA e fiquei a conhecer uma nova forma de olhar para a crise: um percurso diferente e proactivo que me disse muito. Tendemos a acabar o curso, a procurar um estágio, e depois a arriscar um emprego. Percursos traçados, “certos” e, muitas vezes, pouco daquilo que gostaríamos, face às parcas alternativas que temos. A Teresa e a Mariana pensaram, em dado momento, seguir um percurso do género, mas depois tiveram uma ideia diferente, que lhes permitia “meter as mãos na massa” - filosofia de que são adeptas. Designers de formação, querem aprender com aqueles que têm uma vida dedicada ao trabalho, pôr à prova o design nacional com uma acção que trará elementos tradicionais para o palco do futuro. Com pessoas anónimas, as autoras do MEXETRADA entram nesta viagem, dentro em breve, e esperam que as acompanhemos na estrada. Um misto de curiosidade e vontade de criar envolvem-nas. Quem os faz, onde são feitos, onde tudo começou para recriar as histórias aos novos consumidores. Durante dois meses e meio, vão aprender seis técnicas de artesanato em seis locais diferentes (empreita de palma, cadeira alentejana, latoaria, cerâmica, vidro, renda de bilros). Por fim, farão uma exposição final e um documentário a relatar a experiência. São ou não são ideias a seguir de perto? 
Podem fazê-lo através do blogue (http://mexetrada.blogspot.pt/) ou pelo facebook (http://www.facebook.com/Mexetrada).
 1) Em que consiste o MEXETRADA?
(Teresa) O MEXETRADA surgiu da ideia de querermos aprender, e “pôr a mão na massa”. Gostamos verdadeiramente do que fazemos e queremos aprender as nossas técnicas, já que temos imensas em Portugal, e imensa  riqueza em termos de produção de objectos. Então o projecto, basicamente, consiste em estarmos durante dois meses e meio por Portugal em cinco sítios diferentes e em aprender, em cada um, uma técnica de artesanato diferente.Como  designers, vamos dar o que melhor sabemos e mostrar o que nos move, esperando que mova e promova Portugal.

2) O que vos influenciou? 
(Mariana) Basicamente nós estávamos à procura de um estágio para fazer agora. Por isso puxámos pela criatividade que temos, e que queremos ter cada vez mais, e optámos por fazer uma coisa nossa e arranjar uma ideia que pudesse ser concreta e que nós pudéssemos também aprender com ela. Ou seja,  estar nos sítios e aprender com as pessoas com quem vamos estar, e divulgar com a parte de vídeo e documentário.

3) Como tem sido o feedback das pessoas?
(Mariana) Tem sido óptimo. Achamos mesmo que as pessoas gostam da ideia no momento em que está Portugal. Há duas maneiras de, num momento destes, nós nos solucionarmos, uma delas é pegarmos em nós próprios e dizer: “vamos fazer qualquer coisa!” e a outra é: “vamos fazer  alguma coisa, mas vamos pensar em Portugal para fazer!”.

4) Quais as qualidades de um bom designer?
(Teresa) Eu, acima de tudo, vejo o design como uma ferramenta de soluções. Tenho noção que a maior parte do senso comum olha para o design como uma coisa muito visual e plástica. Com a quantidade de projectos, o design começa a ser, cada vez mais, multidisciplinar e também por isso, começa a surgir uma vertente muito social a ele associada: ao olhar à volta e perceber o que é que há de errado, o que é que pode ser melhorado ou o onde é preciso ajuda. Para mim um designer ideal deve saber resolver problemas e e não só saber resolvê-los como ser capaz de os encontrar.Deve ser essa pessoa que, faça o que fizer, e é engraçado que a criatividade não serve só para a solução mas para seres criativo a encontrares coisas que precisam de solução, deve olhar para os outros, para as suas capacidades e para as limitações, e ser capaz de juntar todas as coisas: as pessoas que vão utilizar as coisas, os serviços, todo o processo  que envolve isso, todos os materiais, sustentabilidade, ecologia. Portanto, envolve ser uma pessoa versátil e sobretudo muito atenta.(Mariana) Há cinco qualidades que eu considero que um bom designer deve ter: criatividade, altruísmo, sensibilidade para ver as coisas, humildade,ver à pequena coisa e não à grande escala. Ser humilde para ver do mais perto para o mais longe. E motivação. Tem que ter causas. (Teresa) Um designer tem que ser muito empreendedor, tem que ter muita capacidade de se auto-motivar, de se mexer e de fazer coisas que, muitas vezes, pode não ter logo apoio.
5) O que querem retirar do vosso projecto?
(Mariana) Eu quero aprender ao máximo, em todos os níveis. Porque nós queremos aprender técnicas e não queremos aprender através dos vídeos do youtube. Nós queremos ir aos sítios, conhecer as pessoas, entrar em contacto, perceber porque é que eles chegaram ali e fazem aquilo, e aprender com eles num acto de humildade de quem vai, de facto, aprender por aprender. E depois, a parte toda de estruturar isto tudo vai ser uma grande aprendizagem. É espectacular ter que ir ter com pessoas que conhecemos aqui e ali, falar com amigos que nos estão a ajudar de áreas completamente diferentes. Em que nos juntamos todos e criamos algo que é este projecto.  E depois é giro também ver a nossa coragem de ir ainda “com pouquíssimo na mão”.

You Might Also Like

8 comentários

  1. Gostei imenso da ideia, e acho que são estas pessoas que apelam à criatividade e que são realmente pro-activas que devem receber os apoios necessários à sua expansão.

    Desejo-lhes muito sucesso! :D

    glamourinabottle.blogspot.com

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sem dúvida querida! O projecto é mesmo interessante :) beijinhos

      Eliminar
  2. Excelente iniciativa! Boa sorte meninas!

    ResponderEliminar
  3. que ideia gira!!! se precisarem de apoio nas rendas de bilros, vivo em Vila do Conde e numa casa com tradição nessa área, pois já houve aqui uma "produção" de rendas de bilros. Para além disso, há também o museu das rendas de bilros e posso ajudar em todos os contactos. Beijinhos e parabéns pelo projecto!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Que simpática :) Obrigada pela tua disponibilidade! beijinhos

      Eliminar

Welcome to our website !