Ano Novo, Vida Nova

By quinta-feira, dezembro 22, 2011


New Year’s Eve é uma história composta por muitas histórias que se entrelaçam apenas por um momento e por um local: a passagem-de-ano, em Nova Iorque. O filme Ano Novo, Vida Nova é uma comédia romântica ligeira, onde se proclama o amor, o perdão, a esperança, as segundas oportunidades, os recomeços e os fins. A ligação é a esperança de um novo ciclo. É curioso ver os diferentes ângulos já que estes não devem ser esquecidos nas celebrações. Enquanto uns festejam outros sofrem, enquanto alguns riem há os que trabalham para os fazer rir.
Porém, para mim, este é todo o sumo que se pode espremer deste filme. Gary Marshall no filme Pretty Woman marcou o cinema com a frase “I want the fairytale”, proferida por Julia Roberts. Já neste último, Marshall perdeu alguma noção e trouxe o conto de fadas, com Sarah Jessica Parker, mas forçado e a soar a falso.  Tanta ligeireza e previsibilidade estragam o encanto que um filme com estas temáticas poderia ter. Gostei mas, mesmo dentro do género das comédias românticas, este filme não sobressai. É verdade que, com tantos actores de renome, ficamos logo de pé atrás. Ashton Kutcher, Jessica Biel, Josh Duhamel, Katherine Heigl, Halle Berry, Robert de Niro, Zac Efron, Michelle Pfeiffer, Jon Bon Jovi, Sofia Vergara, Lea Michele, Sarah Jessica Parker e Abigail Breslin, são alguns deles. Sobretudo, fez-me confusão ver Michele Pfieffer a fazer um papel tão pouco interessante para uma actriz como ela. (Já o Josh Duhamel consegue sempre fazer-me flutuar, por isso compensa tudo.)

No entanto, este estilo light parece, simultaneamente, enquadrar-se com o estilo que muitos de nós vestimos nestas alturas, mascarando os sentimentos. Confettis, máscaras e champagne para disfarçar a realidade.

You Might Also Like

9 comentários

  1. Concordo plenamente contigo. Foi ligeiro de mais e, a julgar pelo cartaz, prometia e devia mundos sem fim.

    ResponderEliminar
  2. Filme feel-good da época. Não esperava nada de especial, senão um filme ligeirinho e previsível para nos pôr a sorrir, e foi mesmo isso que tive:) E sim, com o Josh Duhamel toda a possível falta de argumento é aligeirada:P

    ResponderEliminar
  3. Tb quero ver o filme :) as caixinhas foi uma amiga minha que comprou, lá numa lojinha da terra dela!

    ResponderEliminar
  4. também postei sobre o filme. vi hoje e gostei bastante. bom natal!

    ResponderEliminar
  5. Feliz Natal. E quero ir ver esse filme! Já tinha ouvido falar e parece ser muito bom.

    Gostei e estou a seguir, beijinhos ;)

    ResponderEliminar
  6. Ainda não o fui ver,mas acho que irei esperar que saía em dvd para o ver...
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  7. Já vi esse filme e gostei! : ) vale a pena ver...

    ResponderEliminar
  8. Sem dúvida Cris :)

    ahah ADEK! Um encanto de homem :)

    Vai Marta e depois conta de gostaste!!

    Obrigada S! Depois conta se gostaste do filme :)

    Olá C! Já vou espreitar... Obrigada e igualmente

    Obrigada Sandrinha! Quando vires avisa :)

    Acho que fazes bem Karina! ;)

    Ainda bem Vicente!

    Beijinhos a todos

    Mia

    ResponderEliminar

Welcome to our website !