Trying to be a man is a waste of a woman (*)

By sexta-feira, outubro 21, 2011



Não vos pude escrever antes porque ontem tive um dia de loucos (inclusive fui multada, mas isso já vos conto logo!)


Deste filme é fácil gostar. Primeiro porque todas as mulheres se vão rever um bocadinho na Kate. “Instead of sleeping, I do the list”, diz ela. Acuse-se quem não faz listas nocturnas do que tem para fazer e que, tantas vezes, deixa por cumprir? Eu passo a vida a escrever pequenas listas, e as listas de Ano Novo então são as piores! Guilty! Mas a mal ou a bem acabo por ir cumprindo e o escrever na lista já representa alguma coisa. Pelo menos queremos muito fazer aquele item ao ponto de o escrevermos.

Normalmente não gosto muito de comédias românticas (isso já vocês sabem), fico não só aborrecida pela falta de realidade como pela perfeição a mais. Neste caso, embora seja uma história de princesas actual, acrescenta alguma coisa. Revi-me muito no estilo prático da Sarah Jessica Parker porque as situações que lhe acontecem, acontecem-nos mesmo. Há sempre os que dizem que nos metemos em demasiadas coisas e os que dizem que somos loucas porque queremos o mundo. Há sempre os que acham que não vamos conseguir e que fazer tudo é uma perda de tempo. Eu sou ambiciosa e acredito que de alguma forma hei-de conseguir encontrar o meu equilíbrio. Acredito que a minha balança tem medido bem as coisas e me tem ajudado a conciliar aquilo em que escolho meter-me. Posso errar, mas ao menos errei a tentar.

Todos nos perguntamos:“Como conseguimos?”. De facto, todos os dias de alguma forma fazemos coisas impossíveis e gerimos o tempo de forma hábil e, como se por magia fosse, e muitas vezes quase que de magia se trata, conseguimos. E depois está também bem patente a visão homem-mulher em contexto de trabalho, demonstrando que não temos que ser vistas como homens para sermos tratadas como iguais. A afirmação faz-se do nosso talento e com pequenas bofetadas com luvas de pelica, os homens vão percebendo como somos aliadas de peso e como a nossa sensibilidade nos traz muitos trunfos, tantas vezes subestimados.

Andamos sempre a contar os segundos, e não é fácil ser uma mulher de sucesso. Este filme  espelha assim essa contagem dos minutos diária e a gestão que as mulheres fazem disso. Porque é mesmo tudo cronometrado desde o minuto em que colocamos o bâton ao tempo que levamos a secar o cabelo. Este seria um daqueles filmes de que à partida não se esperava mais do que boa disposição, mas na minha opinião confronta-nos também com o medo que todos temos de que a carreira anule a família, com o medo de falhar, com o medo de perder momentos importantes, em detrimento da nossa ambição.

O filme tem alguma superficialidade, não posso deixar de dizer-vos isso, mas acho que a conjuga bem na valorização de outros parâmetros. Ambicionamos ser bem sucedidas a todos os níveis, e faz-nos bem entrar naquele mundo cor-de-rosa em que a Sarah consegue correr de saltos altos sobre o gelo!



Na entrada, a Maria Guedes estava a caracterizar algumas pessoas com os acessórios giros adaptados ao filme. Aproveitei para falar com uma blogger de quem já apreciava imenso o trabalho e fiquei muito surpreendida com a sua simpatia.

(*) I don't know how she does it

You Might Also Like

11 comentários

  1. Querida Mia, estou na expectativa de ver o filme, pois para mim as verdadeiras heroínas anónimas são todas as mulheres-mães, deste planeta.
    Beijinhos e bom fim de semana. :)

    ResponderEliminar
  2. Vou ter que esperar pelo aluguer, hoje em dia é muito dificil arranjar um tempinho para ir ao cinema :(
    mas obrigada pela dica ;)

    Mary-basics.blogspot.com

    ResponderEliminar
  3. Pois é, não é fácil ser mãe, trabalhar e ainda sermos mulheres interessantes e interessadas...Resumindo... somos FANTÁTICAS!!
    Estou curiosa para ver o filme.
    Bjinhos

    Teresa

    ResponderEliminar
  4. Também quero imenso vêr esse filme!Super ansiosa! - Também eu me vejo com alguem ao meu lado, filhos, cão e mesmo assim muuuuito boss no meu trabalho! Também eu me "meto em tudo o que aparece A`frente" e também ouço essas bocas, mas o facto é que se não for assim sinto que estou só a viver a meio gás :S e não quero ser de outra forma! ;)

    beijinho grande, sara***
    chips-ina-fishbowl.blogspot.com

    ResponderEliminar
  5. Querida Turista, se tiveres tempo vê e depois diz-me se gostaste! Não tenho dúvidas disso também :)

    Mary, não deve tardar a estar disponível na zon videoclube ou no meo ;)

    Olá Teresa! Não podia estar mais de acordo! Este filme é um elogio a todas as mulheres fantásticas corajosas e multi-facetadas deste mundo que todos os dias dão o seu melhor. Não te esqueças de depois nos contares o que achaste!

    Um beijinho para todas e bom fim-de-semana!

    ResponderEliminar
  6. Olá Sara! És então uma forte inspiração para todas nós! Gosto do que dizes, porque tb não me imagino a viver "a meio gás". Gosto de ser inteira, de caprichar, de sentir que dou o máximo. Não gosto de andar a pairar, ou a limitar-me a existir. Quero viver bem a sério! Beijinhos!

    ResponderEliminar
  7. Também estive presente na antestreia deste filme e adorei. Um filme de princesas dos tempos modernos.

    Kisses,
    Saltos de Cristal

    ResponderEliminar
  8. Olá querida Saltos de Cristal! No El Corte? Então devemos ter-nos cruzado por lá! Sem dúvida, é mesmo de princesinhas modernas!

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  9. Embora não tenha sido este o link que deixaste no meu blogue :) acabei por encontrá-lo. No essencial, concordo contigo. Eu sou das que faço tudo em contra-relógio por causa da MC e revi-me imenso no personagem :)

    Beijo

    ResponderEliminar
  10. É a Rita (do este blogue precisa de um nome), não sei porque carga de água não consigo assinar com o meu perfil, quando os blogues têm esta forma de comentário).

    Beijo

    ResponderEliminar
  11. Olá Rita! Ups, procurei mal! Mas ainda bem que encontraste ;)Nós bem sabemos como és uma mulher que está sempre a desafiar o tempo. Eu também sou um bocadinho assim.

    Beijinhos

    ResponderEliminar

Welcome to our website !