Coimas, ou de como eu tenho uma boa relação com os senhores agentes de autoridade

By sábado, outubro 22, 2011 ,


Ontem fui apanhada a falar ao telemóvel. Eu sei que não tenho desculpa, mas eu até tinha uma mesmo plausível já que estava estava a falar ao telefone com o E. que partiu o nariz. Eu sei que parece desculpa inventada e os polícias olharam-me como quem diz, "podias inventar uma melhor espertinha". Mas ok, sendo verdade, que é, continuo sem desculpa e paguei a multa admitindo a culpa. O problema foi que estive 30 minutos a aguardar enquanto os senhores agentes, com o seu computador ligado no carro da frente como se eu fosse uma criminosa, e com uma lanterna, apontavam para os meus documentos e olhavam com ar suspeito. Já estava a pensar o pior quando me informaram que afinal uma certa senhora com o meu nome em 2001 tinha ficado sem carta e que eles tinham estado a verificar a situação. E eu pergunto-me, não teria sido interessante se vissem que eu em 2001 tinha 12 anos? Enfim, o dia terminou da melhor maneira e fui para casa a pensar o quão bem teriam sido aplicados os 120 euros numas roupas novas agora que a chuva vem a caminho. Vou pensar que a lição foi valiosa. 

You Might Also Like

10 comentários

  1. Acho que não aprendeste a lição. Então foste para casa a pensar em quão bem teriam sido os 120€ aplicados em roupas em vez de pensares em como os 120€ dariam para comprar um kit mãos livres ou auricular para não se voltar a repetir? Tstststs (isto sou eu a abanar a cabeça e a fazer aquele som de reprovação)
    Quanto ao episódio não posso comentar pois já sei que me iriam sair algumas das maravilhosas histórias que tenho com esses senhores e iria perder o controlo =P

    ResponderEliminar
  2. LOL!!!
    A parte dos 120€ não tem graça, mas no fim de contas tem imensa graça pensarem que com 12 anos andavas para aí a cometer infracções ao volante.
    Bjs

    Mary-basics.blogspot.com

    ResponderEliminar
  3. Olá Bid! ahaha (xiu) eu aprendi à minha maneira! Mas realmente vou comprar um auricular! ;)

    Mary, ahah mais vale rir disto! Mas se visses o tempo que demoraram até perceberem que não era eu.. enfim!

    Ai Salto, nem me digas nada!

    Bom fim-de-semana meus queridos!

    ResponderEliminar
  4. Que novinha que és. Estava a ler o teu blogue, os teus textos pareciam me de alguém mais maduro. E madura és, sem dúvida. E a trabalhar já e na área que gostas. I'm lovin it. *

    ResponderEliminar
  5. Olá Mia! Obrigada! Fico contente de achares isso! Beijinhos e bom domingo!

    ResponderEliminar
  6. A mim já me desculparam e não foi por desatar a chorar (devo ter alguma estrelinha). Nas semanas seguintes andei sempre com o auricular, agora já não o encontro na confusão da mala (acho que se tivesse pago a multa tinha aprendido melhor a lição). Beijinho

    ResponderEliminar
  7. Eu não desatei a chorar,Marta! Mas os polícias não foram com a minha cara! Eu bem tentei negociar para me fazerem o teste do álcool e fazermos uma troca (porque eu não tinha bebido nada) mas nem assim lá fui! Bah. Considere-se lição aprendida! Beijinhos

    ResponderEliminar
  8. Bem isso não está nada fácil :S
    Realmente podiam ter sido um bocadito mais inteligentes e ver logo que em 2001 não podia ser a tua carta!

    ResponderEliminar

Welcome to our website !