Aos que nos olham

By domingo, abril 24, 2011 , , , ,


Dia de Páscoa é um dia passado em família. Estou farta de comer chocolates, porque as amêndoas não são “a minha praia”! Já ovos de Páscoa, venham eles! De todas as cores e feitios não consigo resistir-lhes. Bem peço à minha mãe que os esconda, que os guarde, mas acho que tenho um faro especial para tudo o que englobe a secção Chocolate. Devo ter engordado um quilo desde que estou em casa! Sei que falam de resoluções de ano novo, mas eu instaurei as minhas resoluções de Páscoa e ir para o ginásio terça-feira consta no topo da lista. Não há volta a dar. Assim como cortar o cabelo, renovar o guarda-roupa e comprar o meu bilhete para os The National.

Hoje na tradicional ida à Missa, Frei Bento falava de valorizar quem olha para nós, quem nos olha nos olhos e nos vê. Da importância que assumem nas nossas vidas aqueles que nos olham, que nos respeitam, que nos admiram, que nos mimam e que nos cuidam. Durante o almoço, e durante uma banal tarde de domingo, vi-nos como família à luz dessa perspectiva. A viver os obstáculos uns dos outros. Apenas os quatro, como sempre estivemos. Os quatro mosqueteiros, que por entre as adversidades lutam uns pelos outros. Vi-nos como  “guardadores do nosso rebanho”, e foi maravilhoso!

You Might Also Like

2 comentários

  1. E é maravilhoso sentir-se assim protegida e a proteger alguém. união e Força. Família é esse o significado dessa palavra. Felicidades.

    ResponderEliminar
  2. Que se passa contigo, que nunca mais escreveste

    ResponderEliminar

Welcome to our website !